Os Benefícios do Mastruz com Leite

0
639
[Total: 6    Média: 2.7/5]
Você já ouviu falar do mastruz? Para muitas pessoas, a planta também é conhecida pelos nomes de erva de Santa Maria, ambrósia, quenopódio, erva-formigueira, erva-pomba-rola, chá do México, erva-mata-pulga e mastruço. E apesar de não ser muito conhecida em algumas regiões do Brasil, a planta de nome científico Chenopodium ambrosioides, é muito comum no Nordeste brasileiro.

Sendo uma planta muito comum na região Nordeste onde é utilizada por suas propriedades medicinais há muito tempo, nos últimos tempos tem também sido vendida em lojas de produtos naturais ou ainda usada na composição de diversos produtos vendidos em farmácias de manipulação pelo Brasil todo.

A planta é rica em diversos nutrientes muito importantes para o bom funcionamento do corpo humano, como as vitaminas A, C e as vitaminas do complexo B. Além de também possuir altos níveis de cálcio, ferro, fósforo, potássio, zinco e óleos essenciais.

arrow-orangeO Milagre da Dieta do Limão

A planta normalmente é consumida em forma de chá, batida no liquidificador, ou misturada com leite. Essa última forma, no entanto, é a mais indicada por aliar os benefícios de ambas as substâncias.

Os Benefícios do mastruz com leite, abaixo:

Devido à alta concentração desses nutrientes, a planta oferece diversos benefícios para quem a utiliza, confira abaixo alguns deles:

  1. Auxilia no tratamento da rouquidão, gripes fortes e de problemas respiratórios como asma, rinite e sinusite. Isso acontece pelo fato de a planta possuir alto nível de Vitamina C entre seus componentes.
  1. Aumento da imunidade, também graças à presença de altos níveis de vitamina C, o mastruz pode servir para aumentar a imunidade e aumentar resistência contra doenças de quem o consome.
  1. Ajuda na cicatrização, por conter alta concentração de óleos essenciais. Podendo para isso ser ingerido ou mesmo ser passado diretamente nas alergias, feridas ou machucados, sendo que no caso destas duas últimas, eles precisam estar fechados.
  1. Ajuda a resolver problemas de indigestão, gastrite e até mesmo diminui as os gases.
  1. Também tem ação antibacteriana, antifúngica e antiviral, podendo ser utilizada para combater diversos problemas causados por esses organismos.
  1. Um dos usos mais comuns da planta antigamente era como substancia laxativa, utilizada contra os vermes. A planta é conhecida por ter a capacidade de paralisar esses parasitas e expulsá-los do organismo. No entanto, hoje não se aconselha seu uso para esse fim, já que devido à necessidade de consumir grande quantidade da planta, a pessoa pode sofrer diversos efeitos colaterais e danos graves.

arrow-orangeGuia Para o Parto Humanizado

O uso do mastruz é contra-indiciado para crianças, pois por ser muito forte pode causar náuseas e problemas estomacais. Além disso, ainda no caso das crianças muito pequenas, se colocado em contato com a pele, o mastruz pode causar queimaduras ou reações alérgicas.

É também contra-indicado para mulheres grávidas, por ser abortivo. Além disso, deve se destacar que a planta não deve ser utilizada em tratamentos contínuos, pois seu uso prolongado pode fazer mal ao organismo.

arrow-orangeO Segredo da Dieta do HCG

As doses utilizadas devem ser moderadas, pois o uso do mastruz em doses elevadas pode ter diversos efeitos colaterais como dor de cabeça, náusea, vômito, irritações na pele e há até mesmo registros de casos em que a utilização de doses excessivas foi fatal. Por isso, recomenda-se pedir a recomendação de um médico quanto a dosagem antes de fazer uso da planta.


loading...

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here